Burnt twigs

Buscamos soluções inovadoras de desenvolvimento rural capazes de manter ecossistemas de florestas tropicais saudáveis e simultaneamente atender às necessidades socioeconômicas das comunidades locais e regionais.

Redução do Desmatamento Tropical

O aumento dos preços dos alimentos e a escassez de terras cultiváveis nos EUA e Europa estão ajudando a impulsionar a expansão agrícola nos trópicos. As florestas tropicais estão desaparecendo rapidamente

na medida em que pessoas se desfazem da paisagem natural para dar lugar a fazendas e pastagens, extraem madeira para a construção e combustível, e constroem estradas e áreas urbanas.

  • A América Latina é a região com crescimento mais rápido de produção agrícola mundial.

  • O desmatamento na Amazônia e África Central reduzem drasticamente chuvas no Centro-Oeste dos Estados Unidos.

  • Cerca de 10% das emissões globais de gases de efeito estufa vêm do desmatamento tropical.

Annual Soy and Beef Prices and Deforestation graph
Desmatamento anual e produção (carne e soja) tendências na Amazônia brasileira. 

Esses benefícios importantes da conversão e retirada de florestas tropicais têm um custo: a liberação gases de efeito estufa para a atmosfera maior do que a soma de todos os carros, aviões e ônibus do mundo, a erosão do solo, a degradação de rios e fontes de água e a perda de espécies vegetais e animais. A conversão de florestas tropicais para produção agrícola pode ainda competir e deslocar pequenos produtores e comunidades e invadir territórios indígenas.

Muitos dos custos associados à conversão e degradação de florestas tropicais podem ser evitados. Na medida em que políticas públicas, apoio técnico aos produtores, planejamento regional, e empresas responsáveis estejam presentes, ambas necessidades das populações locais e dos consumidores globais de produtos agrícolas podem ser atendidas, mantendo-se uma produtividade saudável e de longo prazo de ecossistemas nativos, solos e abastecimento de água.